Ô Estado, o filho é meu ou seu?

Existem certos deputados que esquecem de algo muito importante ao escreverem seus projetos: existem certas decisões que só cabe ao indivíduo fazer.Escolher o nome do próprio filho é uma destas!

Lógico que tem gente que perde um pouco a noção e acha que por nome de filho é que nem por nome em filhote de gato/cachorro, mas convenhamos, tirar o direito dos pais em por um nome que seja orbigatoriamente de origem brasileira, força a amizade viu?

Acho que deputados deveriam começar a escrever projetos e a estudarem mais sobre coisas relevantes. Que tal começar a diminuir os impostos, hein?!

:)

Comentários

Postagens mais visitadas