Atemporal



Li este livro quando ainda estava no ensino médio. Lembro-me que o devorei em questão de horas. Além de fininho, a leitura flui feito água. Meu entendimento foi bem maior que na leitura de Iracema (mãe, n tenho saco!) e o que mais contribuiu para minha compreensão é que ele retrata uma nação de várias maneiras: política, cultura, linguagem...

Os Bruzundangas de Lima Barreto será um livro atemporal sobre como as coisas aqui no Brasil funcionam. Atemporal até o dia em que explodirem este país e reconstruí-lo ( sem licitação haha).

Lembrei dos Bruzundangas por conta da dica do Erik sobre a campanha no Coturno e pq hoje ao abrir o jornal na coluna do Egídio Serpa, veio a notícia que todos esperavam: para o aceleramento das obras para a copa 2014, as licitações serão deixadas de lado.

Eita que vai ter neguim chegando na lista da Forbes...

ps: não postei o link da reportagem porque o mesmo está dando erro. Mas a coluna do Egídio Serpa sai no diário do nordeste diariamente. E sim, eu ainda leio jornal impresso. Se ao acordar e não ver o jornal em cima da mesa, tenho um piripaque.

ps2: minha mãe me mata caso eu fale mal do Zé de Alencar. A muié é estudada neste autor hehe.

Comentários

Postagens mais visitadas