Transbordou.

Há uns três dias é noticiada o assassinato de um estudante na Usp e vem à tona um problema que o brasileiro aprendeu a conviver: a falta de segurança.

Pode-se aumentar o efetivo policial, fazer rondas, o que for. Se o crime compensar como compensa no Brasil, medidas assim serão apenas paliativas. E porque compensa? O primeiro e principal ponto é a impunidade em várias escalas. Existem traficantes sendo presos e soltos todo santo dia, bem como gente que tira vidas, paga fiança e é solto.

Existem outros pontos, como a corrupção do sistema de segurança que ao invés de legitimar nossa segurança, legitima atos ilícitos, dando suporte e informações pra que bandidos ajam. O fato de que cada vez mais é mais cômodo se prender dentro de casa e entregar seus pertences a combater efetivamente a violência também faz com que seja muito fácil cometer crimes. Ué, o cara precisa nem anunciar, é só pedir!

Portanto, o caso da Usp, que repercutiu o que repercutiu por ser uma grande e renomada universidade, nada mais é que um transbordamento da violência. Uma extensão do que ocorre fora daquele campus.

E nao acontece apenas lá. Locais como shoppings, aeroportos e outros locais que naturalmente possamos nos sentir seguros, estão sendo invadidos pela violência urbana.

Lamentável.

Comentários

Postagens mais visitadas