Resenhas Viu: O Preço do Amanhã



Lembro-me que tinha visto este trailer no blog do Cristiano. Fiquei com uma expectativa gigante ao ver que um filme exploraria um tema tão fascinamente: o tempo.


E ai, comecei a lembrar de que? Economia, claro. Lembrei dos trade-off, do peso de nossas decisões, do custo de oportunidade, enfim, o que enfrentamos na realidade de nossos dias. Afinal, o tempo que eu gasto vendo tv ou perambulando em sites poderia ser gasto de outra maneira como ler um livro a mais por mês.


Mas o filme decepciona. Não se preocupem porque eu não colocarei spoilers aqui, é só uma visão geral, ok? Ele começa com um fôlego e perde o ritmo, torna-se lento e enfadonho. No final, parece mais a aventura de Robin Hood, bem contra o mal e todos esses clichês. Se vamos criticar o sistema capitalista, que façamos de uma maneira mais inteligente e menos boba.


Quanto aos atores, só não foi mais trágico pela presença do Cillian Murphy me hipnotiza com aqueles olhos, pois Justin que pode voltar a cantar e produzir, please e Amanda tem tudo, menos química em cena. Acho que só perdem pra Natalie Portman e Ashton em um filme que vi recentemente que não lembro o nome. Horríveis.


Contudo, não se esmoreçam ao ler isto, afinal, é minha visão sobre o filme, vocês podem ter outras, óbvio. O negócio é ver e tirar suas próprias conclusões. A minha foi: perdi 100 min de vida com esta película. 

Comentários

Postagens mais visitadas