Janelinhas

Toda vez que me conecto ao Fb, elas estão lá. Às vezes vem umas dez por vez, se aglomerando na minha barra; tem as pontuais, de pessoas que sempre falo; aquelas que deixamos no vácuo e umas que confundem facebook com chatroulette.

Mas tem aquela janelinha que a primeira coisa que você pensa ao entrar é que esta apareça, suba, dê sinal. E quando ela dá sinal, automaticamente o sorriso vem no rosto, tão natural quanto o pensamento "oba, chegou".

E aí, você só tem "olhos" para aquela janela. Ela te prende, de alguma forma. Te faz bem, te faz rir, refletir, pensar...A conversa despretenciosa, o papo que flui bem e o tempo que voa. E quando a conversa finda, resta torcer pra que outra oportunidade apareça.

Janelinhas assim aparecem de tempos em tempos e nos faz um bem danado. Parece que dá fôlego novo ao cotidiano, já fatigado de uma rotina incessantemente estressante (pelo menos a minha).

E ai, eu sempre reparo em algo: as coisas acontecem quando tem de acontecer. Não tem jeito. Não sabemos o tempo das coisas, precisamos apenas reconhecer quando estas chegam.

:)




Comentários

Postagens mais visitadas