Oculto

Amo você, mas o mundo não pode saber. O mundo ainda é muito certinho para amores assim. Tenho raiva dele neste momento. Raiva, pois, o mundo ainda não compreendeu o que é amor. O mundo ainda o vê como algo direcionado para alguém, envolto em pronomes possessivos e cheio de compromissos. O meu amor por você não precisa de contratos. Ele apenas necessita de dois corações que se conhecem. Dois corações que desejam a felicidade. Amo -te sem que me peças, de graça. Amo-te por te aceitar do jeito que és. Nesta e nas outras vidas.

Comentários

  1. Sortudo és o merecedor de tamanhos sentimentos, e é impossível não deixar respingar em mim parcela, mesmo que mínima, de tamanha alegria. ^^

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas